Sobre o PIM
Projeto Arte & Vida
Incentiva e valoriza o trabalho voluntário promovendo apresentações em hospitais e asilos;

PIM em toda parte
Segundas e terças-feiras os monitores se revezam para atender os alunos dos projetos multiplicadores nos municípios vizinhos de Engenheiro Paulo de Frontin e Mendes, respectivamente.

CooperPIM
Cooperativa de alimentos formada pelos pais do PIM;

Orquestra Sinfônica Jovem Regional
Projeto apoiado pelo Criança Esperança/UNESCO

Banda Sinfônica
Outro projeto de sucesso do PIM.

 
Músicos da Banda
Músicos da Orquestra

 

Diretoria
Conselho Fiscal
Coordenação
Professores
Monitores


Histórico

Música para encantar e integrar – O incentivo à promoção da integração e do encantamento social, a mobilização de ações comunitárias, culturais, educacionais e sócio políticas e o incentivo às relações étnico-raciais positivas são marcas desse programa, que há 8 anos, proporciona elementos para o desenvolvimento sócio-econômico do Vale do Paraíba Fluminense, contribuindo na formação de cidadãos conscientes de si, do outro, da realidade que os cerca e de sua capacidade de transformação. Transformação  através da integração utilizando a música como principal ferramenta. 

Criado pelo maestro Cláudio Moreira, em 2000, no município de Vassouras, contando com apenas 39 crianças e um professor voluntário, o PIM (Programa Integração pela Música) foi idealizado para oferecer à população local vivências cooperativas em torno do acesso à cultura, educação e cidadania através do estudo musical, que requer necessariamente, o compartilhamento de informações e o trabalho em equipe.

Dentro de uma orquestra, banda, ou qualquer outra formação com mais de um músico, não importa a boa execução de um único instrumento, pois o resultado só será bom se o coletivo estiver em harmonia. Para isso, as práticas de estudo em grupo, as pequenas formações musicais, as aulas semanais de sábado que concentram todos os instrumentos e 90% dos alunos no mesmo local, são fundamentais para a dinamização entre o grupo, formado por crianças e jovens de diferentes idades e segmentos sociais. 
A adesão da comunidade foi – depois da própria música – a matéria prima fundamental para que o PIM se transformasse num importante programa sócio-cultural da região do Vale do Paraíba Fluminense, com uma Orquestra Sinfônica Jovem Regional, (Projeto apoiado pelo Criança Esperança/UNESCO) um grupo de percussão (PIM Lata), uma Banda Sinfônica, Coral, e diversas outras formações musicais construídas pelos próprios jovens. Se desdobrando ainda em atividades que vão além da música, como uma cooperativa formada por pais e mães do Programa, uma incubadora de produção cultural, uma incubadora de produção audiovisual, e um projeto vinculado à cultura popular e à tradição oral.

O Programa atua hoje em outros dois municípios da região Mendes e Engenheiro Paulo de Frontin, além de Vassouras e atende à cerca de 700 integrantes com idade entre 6 e 88 anos, num sistema  multiplicador, onde os alunos mais adiantados são os professores dos iniciantes, proporcionando assim, oportunidade para que o PIM atenda a todos os interessados nas aulas de música. Das 39 crianças que iniciaram  o trabalho junto com a Maestro Cláudio, a maioria permanece no PIM repassando seus conhecimentos aos mais jovens.


Certificados, títulos e registros

Utilidade Pública Municipal, conforme Lei nº 1149 de 15/06/1981

Inscrito no Conselho Municipal de Ação Social, nº 020

Inscrito no Conselho Municipal dos Direitos da  Criança e do Adolescente, nº 005


Principais Prêmios e Títulos

Prêmio Escola Viva - Programa Cultura Viva – Minc – 2007

Prêmio Cultura Nota 10 – Secretaria de Estado de Cultura – 2004

Prêmio Cultura Viva – Minc - 2006

Prêmio Rodrigo de Melo Franco Estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo – IPHAN – 2004

Ponto de Cultura – Programa Cultura Viva – Minc – desde 2004

Pontão de Cultura – Programa Cultura Viva – Minc – 2008

Prêmio Interações Estéticas – Minc - 2008

Pontinhos de Ludicidade – Minc -  2008

 

Criação e Desenvolvimento