Eufrásia Teixeira Leite

Nascida em uma família tradicionalmente ligada ao Ciclo do Café, Eufrásia Teixeira Leite acumulou riqueza durante a vida e teve influência direta no desenvolvimento do município de Vassouras. Morta em 1930, ela não deixou herdeiros e destinou uma fortuna em testamento para obras de caridade.

Nos terrenos deixados por Eufrásia foram construídos o Instituto Feminino para moças pobres, o Colégio Regina Coeli para moças, o Senai, o atual fórum, a delegacia do município e muitos outros prédios. O Hospital Eufrásia Teixeira Leite foi erguido com recursos deixados por ela.

Uma das cláusulas do testamento pedia “conservar a Chácara da Hera com tudo que nela existisse no mesmo estado de conservação, não podendo ocupar ou permitir que fosse ocupada por outros”. A construção, antiga residência dos pais de Eufrásia, se tornou o Museu Casa da Hera, símbolo da época dourada do Ciclo do Café.

Fontehttp://g1.globo.com/rj/sul-do-rio-costa-verde/noticia/pim-realiza-concerto-pelo-167-aniversario-de-eufrasia-teixeira-leite-em-vassouras.ghtml